Carregando Notícia
Sem categoria

Vídeo: Esposa de jogador brasileiro chora ao fugir de Kiev

PUBLICIDADE

Alguns brasileiros, incluindo um grupo de jogadores brasileiros, acompanhados de seus familiares e funcionários do Shakhtar Donetsk e ao Dínamo de Kiev já deixaram a Ucrânia. A fuga dos brasileiros aconteceu nesta manhã deste sábado (26/2/2022). Eles saíram do hotel onde estavam e foram em direção a uma estação de trem da capital da Ucrânia.

PUBLICIDADE

Vale lembrar que, nessa sexta-feira (25/2/2022), eles tomaram a decisão de não pegar o trem organizado pela embaixada brasileira em Kiev para deixar a cidade. Vários brasileiros estavam no trem e partiram rumo a Chernivtsi, no oeste da Ucrânia.

O grupo entendeu que era melhor ficar todos no hotel, pensando que lá estariam seguros durante a guerra. Contudo, hoje de manhã eles perceberam que a capital já não é um local seguro e resolveram montar um comboio identificado com bandeiras brasileiras na frente e nas laterais dos carros para chegar à estação.

Usando as redes sociais, a brasileira Maria Paula Marinho, que é esposa de um dos jogadores, disse que outros trens foram colocados à disposição para a fuga de brasileiros neste sábado. “Foi avisado de última hora. É tudo muito assustador. Chegamos na estação, nos vemos no Brasil se Deus quiser. Orem por nós”.

Assista ao vídeo:

Vale lembrar que toda a invasão russa da Ucrânia começou através da autorização do presidente, Vladimir Putin, durante a madrugada de quinta-feira (24/02/2022), com uma ampla operação militar para invadir a Ucrânia. Em pronunciamento, ele fez ameaças e disse que quem tentar interferir no conflito sofrerá consequências nunca vistas na história.

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, alertou que a capital Kiev estava sob perigo de tomada pelos russos e fez um apelo:

“Não podemos perder a capital. O destino do país será decidido agora. Esta noite será mais difícil do que o dia. Muitas cidades do nosso estado estão sob ataque. Chernihiv, Sumy, Kharkiv, nossos meninos e meninas em Donbass, as cidades do sul, atenção especial a Kiev. Esta noite será a mais difícil. O inimigo vai com tudo. Devemos resistir. A noite será muito difícil, mas o pôr do sol virá”.

Redação

34 anos e cursando jornalismo em SP, já trabalho com notícias por aproximadamente 10 anos. Aqui cubro todas as notícias sobre o transito, capitais do país, reality shows e diversos assuntos diferentes. Email: [email protected]