Início » Vídeo: Vereador aponta revolver para colega dentro do plenário

Vídeo: Vereador aponta revolver para colega dentro do plenário

PUBLICIDADE

Um vídeo viralizou no dia de hoje e mostra uma briga na Câmara Municipal de Querência, cidade a 800 quilômetros de Cuiabá, onde um dos vereadores da cidade, Professor Neriberto (PSC), saca uma arma para o vereador Edmar Batista (PDT) nesta segunda-feira, 21/03/2022.

No vídeo é possível ver os vereadores discutindo e logo depois os dois começam a trocar socos e chutes. Nesse momento, dois policiais militares tentaram acabar com a briga. Assim que os policias conseguem separar os vereadores, Neriberto saca um revolver e ameaça Edmar.

Minutos após toda a confusão, a assessoria da casa legislativa municipal postou um nota de explicação nas redes sociais e comunicou que foi aberta “uma investigação policial para apurar o fato”.

Neriberto disse essas palavras antes de sacar o revolver: “O trabalho ele é feito, ele é organizado. Vossa excelência seja homem e assuma o que recebeu”.

Segundo informações do jornal O Estado Matogrossense, a briga foi motivada por uma suposta discordância das pautas apresentadas durante a sessão.

“Durante a manhã desta segunda-feira, 21, na Câmara Municipal de Vereadores de Querência-MT, a Sessão Ordinária teve que ser interrompida pelo Presidente da Câmara Telmo Brito, devido a um desentendimento entre dois vereadores, Professor Neriberto e Edmar Batista, a discussão que levou a vias de fato onde o parlamentar Vereador Neriberto chegou a sacar uma arma de fogo onde apontou para o seu colega de parlamento, houve muita correria no momento do fato. O fato foi presenciado por todos os presentes, no momento do ocorrido um grande número de pessoas acompanhava a Sessão. Não houve feridos, apenas muita correria e susto pelas pessoas que estavam presentes. Em relação ao fato do vereador estar armado durante a sessão, uma investigação policial será instaurada para apurar o fato. Pertinente aos vereadores envolvidos nas vias de fato, as medidas cabíveis serão tomadas em conformidade dos trâmites constantes no regimento interno desta Casa de Leis”.

Assista ao vídeo: