Início » Personal que agrediu morador de rua afirma que sua mulher foi vítima de abuso e estava tendo um surto psicótico

Personal que agrediu morador de rua afirma que sua mulher foi vítima de abuso e estava tendo um surto psicótico

PUBLICIDADE

O personal trainer Eduardo Alves, de 31 anos, que aparece em imagens gravadas por câmeras de seguranças agredindo um morador em situação de rua no Jardim Roriz, em Planaltina, na madrugada da última quarta-feira, disse em depoimento que a sua mulher teria sido vitima de abuso, cometido pelo morador de rua agredido.
“Não se trata de uma traição conjugal, e, sim, crime de violência”, disse o personal. Segundo ele, a esposa estaria com algum tipo de surto psictico ou algo do tipo, sendo assim não responsável por decidir se a relação seria consensual ou não.

Depois de toda confusão gerada em plena rua em Planaltina, todos os envolvidos foram levados para a 16ª Delegacia de Polícia de planaltina, que investiga o caso com atenção. Os policiais que atenderam a ocorrência, afirmaram que a esposa do personal disse que toda a relação com o morador de rua teria acontecido de forma consensual. Outra testemunha ouvida pela policia deu a mesma versão contada pela esposa.

Já o morador de rua teria dado a seguinte versão: Segundo ele, a esposa do personal teria parado o carro e o chamado para mais perto. Após se aproximar, a mulher teria dito: “Vamos brincar?”, e teria o chamado para entrar no carro. Ainda segundo ele, ao passar algum tempo ele estava nu dentro do carro com a mulher, e rapidamente teria chegado um homem muito bravo e começou a agredi-lo.
O morador de rua afirma que não conhecia a mulher e que não teria abusado dela em momento algum.

O personal foi ouvido pela policia e foi liberado. Ele responderá em liberdade por lesão corporal grave.
O morador de rua segue no hospital com os dois olhos roxos e será liberado em breve.