Carregando Notícia
Curiosidades

Mãe dá um aviso: “Achei que o brilho refletido nos olhos do meu filho era apenas reflexo, não cometa o mesmo erro”

A mulher contou que começou a notar um brilho muito diferente na pupila esquerda dos olhos do filho.

PUBLICIDADE

Uma mulher chamada Leonnie Ord tem 33 anos e á a mãe do pequeno Cillian Coyles. Ela contou em uma postagem que começou a notar um brilho muito diferente na pupila esquerda dos olhos de seu filho, mas, o brilho costumava aparecer e desaparecer e ela então apenas pensava que poderia ser apenas algum tipo de reflexo de uma luz, não parecia ser realmente nada grave.

PUBLICIDADE

O brilho no olho do menino começou a se intensificar muito e se parecer com um olho de gato, a mãe então decidiu que estava na hora de procurar a opinião de um médico que fez diversos testes no menino e no final com o resultado do médico os pais do menino ficaram sem chão. A criança estava com retinoblastoma que é um tipo de câncer muito raro e muito perigoso que costuma atingir crianças em pouca idade.

O menino acabou perdendo a visão do olho esquerdo, porque o tumor já estava muito avançado e crescendo no nervo óptico. O menino também precisou fazer quimioterapia para tentar reduzir o tamanho do tumor que já estava bastante alterado.

A mãe também contou que se ela e o pai da criança realmente tivessem pensado em fazer um simples exame rápido assim que perceberam esse brilho nos olhos do menino logo no início, eles teriam salvado a visão do filho, mas que agora já é tarde e eles querem alertar outros pais a não deixarem nunca passar qualquer diferença seja nos olhos da criança ou em qualquer outro lugar do corpo, pois isso pode realmente fazer toda a diferença.

Isso não quer dizer que toda diferença que é encontrada nos olhos seja câncer, mas, os pais realmente teriam conseguido salvar a visão da criança se tivessem procurado o médico o mais rápido possível. Segundo as informações de Rodrigo Munhoz, que é médico oncologista do Hospital Sírio Libanês, o famoso “olho de gato” não é um sinal que passa tão despercebido assim pelos pais.

“Ele aparece muito em flashes de fotografia hoje, como se usa muito fotografia de celular, às vezes fica patente. Ele é um tumor que nasce ali na região da retina, e ele cresce o causando esse reflexo esbranquiçado. Qualquer iluminação direta pelo olho da criança faz com que se perceba uma diferença, uma assimetria entre o olho acometido pelo tumor e o olho saudável. todos os pacientes devem passar por estudo de aconselhamento genético para identificação de casos que são hereditários. Se outras pessoas da família já tiveram o tumor, as crianças devem ser examinadas por um oftalmologista experiente desde a hora do nascimento, e durante os primeiros anos de vida, para que o diagnóstico seja o mais precoce possível”.

Redação

34 anos e cursando jornalismo em SP, já trabalho com notícias por aproximadamente 10 anos. Aqui cubro todas as notícias sobre o transito, capitais do país, reality shows e diversos assuntos diferentes. Email: [email protected]