Carregando Notícia
Curiosidades

Atenção: Fique atento ao surgimento de manchas brancas e sem sensibilidade na pele, elas podem indicar doença grave

Falaremos sobre uma doença que é pouco conhecida, mas que se tornou um dos grandes problemas na vida de algumas pessoas.

PUBLICIDADE

Nesse artigo, falaremos sobre uma terrível doença é pouco conhecida, mas, que já se tornou um dos grandes problemas na vida de algumas pessoas e que é tratada com a ajuda de vários medicamentos que são distribuídos pelo governo e quimioterapia múltipla. Nas regiões Centro-Oeste, Norte e Nordeste do Brasil, houve um grande aumento de casos que tem subido drasticamente, chegando a 30.000 casos a cada ano.

PUBLICIDADE

No entanto, também podemos pensar que existem poucos pacientes com hanseníase no mundo, sendo que a Índia e o Brasil representam um total de 70% deles. Parte da razão disso é que o grande número de profissionais que trabalham com a doença diminuiu com o tempo e o conhecimento daqueles que fornecem suporte diagnóstico (como enfermeiras, fisioterapeutas e pessoal de laboratório) diminuiu.

Em muitos desses casos, o diagnóstico dessa terrível doença só pode ser feito realmente quando ela já progrediu, ou seja, somente quando os olhos e membros se mostram bem incapacitados e seus familiares podem já estar contaminados ou mesmo doentes para continuar a cadeia de transmissão.

Saiba que quaisquer pessoas podem suspeitar de estar com essa terrível doença e pedir que seja feito um diagnóstico médico. Os sintomas que são mais comuns em surgir são manchas que aparecem na pele, que não coçam, não ferem e também não possuem sensibilidade à dor, ao calor ou ao toque, e podem reduzir o cabelo e o suor.

Saiba que a hanseníase também pode se mostrar de várias outras maneiras que afetam os nervos dos braços e das pernas, causando também choque, inchaço, fraqueza muscular, dormência e formigamento. Para realizar o controle dessa terrível doença é muito importante atuar em várias áreas. Além disso é muito importante também que os médicos que te atenderem possa ter bastante conhecimento sobre a doença e saiba o quanto ela é comum aqui no país.

Também é muito eficaz orientar as pessoas sobre essa doença, pois muitas pessoas já não procuram mais ajuda médica no começo (a hanseníase não é certa) ou até mesmo na fase tardia. Já por outro lado, é também necessário garantir que os familiares do paciente possam sempre ser consultados, pois todas as pessoas que convivem frequentemente com hanseníase também correm o grande risco de contrair a doença apenas pelo contato.

Para realizar o tratamento necessário é bem fácil, uma vez que você realmente suspeitar da doença em seu corpo, deve-se consultar o mais rápido com um médico para poder receber o diagnóstico e fazer os exames necessários, tomar a medicação regularmente, e é recomendável verificar todos os parentes.

Redação

34 anos e cursando jornalismo em SP, já trabalho com notícias por aproximadamente 10 anos. Aqui cubro todas as notícias sobre o transito, capitais do país, reality shows e diversos assuntos diferentes. Email: [email protected]