Início » Enredo de filme de terror: Segredo macabro é descoberto após idosa faltar a vacinação!
Curiosidades Mundo Notícias

Enredo de filme de terror: Segredo macabro é descoberto após idosa faltar a vacinação!

A escocesa Christina Maley foi encontrada morta em sua casa devido ao seu não comparecimento ao local onde acontecia a aplicação da primeira dose da vacina contra o coronavírus. As autoridades que foram mobilizadas a investigar este caso, acreditam que o seu marido vinha escondendo o corpo no local por aproximadamente 12 anos, de acordo com relatos policiais.
A idosa falecida, que hoje teria cerca de oitenta anos, foi descoberta por enfermeiras, que foram até sua casa, em Aberdeen na Escócia após ela faltar a vacinação.

Questionado sobre o paradeiro da idosa, Daniel Malley, de 78 anos esposo de Christina, tinha o hábito de responder que ela estava viajando, e da mesma maneira fez com os profissionais de saúde que foram procurá-la.
No entanto, o esclarecimento feito ao motivo de sua ausência não foi bem aceita pela equipe de enfermagem, visto que se tratava de um evento de grande importância o que os fizeram desconfiar da suposta afirmação, conversando com os vizinhos constataram que a mulher não era vista a muitos anos, então decidiram acionar a polícia.Ao receber os policiais na porta, Daniel respondeu que sua esposa estava viajando. Porém, uma busca pela casa revelou a presença de um corpo, testes feitos confirmaram que se tratava do cadáver de Christina.

Um polícial disse ao o jornal local Evening Express que “A morte está sendo tratada como inexplicável e as investigações estão em andamento”. Não há dados sobre a localização de Daniel, porém a casa foi cercada com tapumes enquanto a polícia continua as investigações. A estimativa de que Christina esteja morta há 12 anos se dá pelo fato do relato de alguém ter visto ela pela vez em 2009. Os vizinhos de Daniel, demonstraram estar surpresos ao saber que ele era casado.
“Eu nunca o vi com uma esposa em todo o tempo que morei aqui”, disse um dos vizinhos ao tabloide The Sun. “Me dá um arrepio quando penso que ela poderia ter ficado deitada em casa todo aquele tempo. Por que não havia cheiro ou moscas? É tão estranho”, completou ainda.

Veja Também:  Adolescente que confessou matar garota de 14 anos tem um triste fim