Início » Assista: Devido super lotação da unidade de saúde, paciente com covid-19 foge do hospital ao saber que seria intubado
Curiosidades Notícias

Assista: Devido super lotação da unidade de saúde, paciente com covid-19 foge do hospital ao saber que seria intubado

Um paciente de 45 anos que estava internado em estado grave com Covid-19 no Hospital Universitário (HU) de Londrina, no Paraná, teve uma crise de ansiedade após receber a notícia de que seria intubado para tratar a doença e fugiu da unidade de saúde.

A fuga inusitada foi ocorreu na manhã desta quarta-feira (17), e noticiada no programa Balanço Geral Curitiba, na RIC Record TVNas cenas registradas por uma pessoa que estava no lado de fora da unidade, é possível assistir o momento em que o homem corre em disparada por uma avenida e, logo em seguida, quatro profissionais de saúde correm atrás tentando alcançar o rapaz na esquina da rua. Assista o vídeo a seguir: https://www.instagram.com/tv/CMiw282nTjV/?igshid=1ugzyd9spusfe

A equipe médica não mediu esforços e se mobilizou e para conseguir chegar até o homem, que foi acalmado e foi levado mais uma vez para dentro do hospital, com o auxilio de uma maca e ajuda de equipamentos médicos.

Por intermédio de um comunicado, o Hospital Universitário de Londrina confirmou que o paciente de fato escapou e complementou informando que a causa do ocorrido foi o homem ter sofrido a crise de ansiedade “por estar experimentando a superlotação que enfrentamos diariamente” e também pelo motivo de haver sentido medo e angústia em pensar que seu quadro de saúde poderia se tornar piorar. De acordo ainda com a unidade de saúde, após ter sido resgatado, o homem retornou ao seu leito e recebeu a “terapia medicamentosa e oxigenioterapia necessárias”, foi atendido pela psicóloga do hospital instituição, na companhia da esposa e por vídeo chamada pôde conversar com os seus familiares.

Atualmente o Hospital Universitário que é referência no tratamento da Covid-19, na região, encontra-se com ocupação dos leitos em 178%. A cidade Londrina que fica a 390 km de Curitiba, tem 41.834 casos já confirmados, sendo que 40.269 estão recuperados e 817 óbitos foram resultantes da doença até o momento.

Veja Também:  Zagueiro é investigado, após agarrar as partes intimas de jogador adversário por varias vezes durante um jogo