Início » CEB está dando desconto na conta de energia. Veja como obter!
Notícias

CEB está dando desconto na conta de energia. Veja como obter!

A CEB – Distribuição(Companhia Energética de Brasilia) vai conceder desconto de R$ 20 para os consumidores que fizerem o pagamento  da conta de energia elétrica via cartão de crédito, pela primeira vez, por meio do aplicativo RecargaPay. A companhia está sob nova direção, desde que a venda para a Neoenergia foi concluída em 2 de março.

O desconto será concedido a partir desta segunda-feira (15/3), Dia do Consumidor. O desconto será válido para quem efetuar o pagamento à vista ou parcelado em até 12 vezes, usando a plataforma digital. Para desfrutar do benefício, o cliente deverá baixar o aplicativo RecargaPay no celular e fazer o pagamento da conta de luz, usando o cupom NEO20.

A distribuidora de energia também criou um canal de negociação para facilitar ainda mais o relacionamento. De agora em diante, os clientes que procuram condições diferenciadas podem entrar em contato com o teleatendimento de forma gratuita, por meio do telefone 116. Os débitos também poderão ser negociados por meio do site agenciavirtual.ceb.com.br e nas lojas situadas no Na Hora.

“A parceria com o RecargaPay reflete um novo momento da distribuidora. Nessa mesma linha, estamos, cada vez mais, ampliando as opções de relacionamento com nossos clientes”, declarou Gustavo Alvares Santos, diretor-superintendente da CEB-D.

De acordo com a empresa, essas iniciativas têm o propósito de facilitar o pagamento dos clientes por intermédio dos canais de relacionamento, sem precisar de deslocamento. “A parceria com o RecargaPay proporciona benefícios aos clientes, que, cada vez mais, migram para o ambiente digital. O aplicativo é seguro, rápido e simples, e o usuário poderá pagar por meio do cartão de crédito”, complementou a CEB Distribuição.

Leonardo Moura, superintendente de Processos Comerciais da Neoenergia, assegurou que “as modalidades de quitação promovem comodidade, conforto e conservam a saúde das pessoas, não precisando sair de casa para fazer o pagamento do boleto, evitando assim aglomeração”.

Veja Também:  Mãe que matou a filha de 5 anos deve ser internada em hospital de custódia, pede MPE