Início » Vídeo: Família encontra bebê abandonado em calçada e viraliza: “quietinha e com os olhinhos abertos”
Notícias

Vídeo: Família encontra bebê abandonado em calçada e viraliza: “quietinha e com os olhinhos abertos”

Uma cena completamente inusitada pegou uma família mineira de surpresa no início da manhã desta quarta-feira(27)na pequena cidade de Salinas, que fica no Norte de Minas Gerais. Uma família encontrou uma bebê que estava toda enrolada em uma manta e que estava abandonada em uma calçada da cidade no bairro Panorama.

O bebê abandonado foi o assunto na pequena cidade de 41 mil habitantes. Darcy Pereira da Silva disse no vídeo que gravou que estava passando de carro na rua com sua família quando sua filha de 12 anos de idade percebeu um criança sozinha na calçada. A menina prontamente alertou o pai sobre o que tinha avistado. Ele parou e foi verificar se era realmente um bebê.

“Ela estava no banco de trás e começou a gritar que viu um bebê abandonado. Eu dei ré e percebi que realmente tinha uma criança na calçada. A menina estava bem agasalhada e quietinha. Os olhinhos estavam abertos como se estivesse observando o movimento da rua e aparentava estar com fome”, disse Darcy

Logo depois de encontrarem a bebê eles acionaram a Polícia Militar. Ao chegar no local, a equipe policial encaminhou a bebê ao hospital local para que fosse avaliada por um médico pediatra. O Conselho Tutelar da cidade está acompanhando todo o caso de perto. Darcy ainda comentou o que sentiu quando encontrou a menina:

“É uma sensação que nunca vivi na vida. Na mesma hora que é boa, é ruim. Bom por achar uma criança tão linda e preciosa, mas vem a tristeza de saber que um ser humano abandonou no relento da madrugada. Não consigo descrever a sensação e minha filha está chorando muito”.

A família de Darcy ficou completamente apaixonada pela menina e decidiram chamá-la de Vitória, eles acompanharam a menina até o hospital. Assista abaixo o momento em que a família encontra a menina.

Veja Também:  Homem rouba carro de funerária com corpo dentro, "loucura total"