Início » Laudo aponta quantos golpes o ex-marido deferiu contra a juíza
Notícias

Laudo aponta quantos golpes o ex-marido deferiu contra a juíza

A juíza assassinada pelo ex-marido no dia 24, véspera de Natal, na cidade do Rio de Janeiro trouxe à tona, mais uma vez, a discussão sobre os casos de violência doméstica que terminam em feminicídio. A maneira como a magistrada teve sua vida tirada mostra a brutalidade da ação cometida pelo ex-marido da vítima.

O laudo do IML que foi obtido pelo OGlobo mostram que a juíza Viviane Vieira do Amaral Arronenzi foi atingida pelo ex-marido, Paulo José Arronenzi, com 16 golpes de faca que causaram cortes e perfurações. Dez desses golpes atingiram o rosto e a cabeça da vítima. Os ferimento, que atingiram a mão esquerda são condizentes com uma tentativa de defesa.

Uma fonte que atua na investigação contou ao jornal O Globo que além do número excessivo de ferimento a faca, Paulo José, continuou golpeando a magistrada pelas costas após ela cair no chão. Mesmo com tantos golpes, os peritos apontaram que o corte feite na região da garganta que levaram a juíza à morte imediata e sem a possibilidade de socorro.

Além dos golpes a faca, os médicos perito encontraram diversas escoriações pelo corpo que são condizente com agressões prévias aos golpes. Os investigadores acreditam que que Viviane foi arrastada pela rua e depois golpeada.

Outro agravante que mostra que o crime contra a magistrada foi premeditado é o fato de que o ex-marido estava com três facas na mochila. Até o momento a faca que ele utilizou para tirar a vida da ex-mulher não foi encontrada pela polícia. A juíza foi cremada neste sábado em uma cerimônia para familiares e amigos próximos. Diversas entidades de magistrados manifestaram repudio ao feminicídio contra a juíza. As três filhas pequenas, duas de 7 anos e uma de 9 anos de idadem ficarão com a avó materna que ganhou a guarda provisória das crianças.

Veja Também:  O menino que caiu do céu tem livramento. Criança de 7 anos cai em cima de vergalhão - MG

Fonte: OGlobo.