Início » Vídeo: Homem debocha de jovem autista e causa revolta na Web
Notícias

Vídeo: Homem debocha de jovem autista e causa revolta na Web

Um vídeo que tem circulado na Web tem revoltado as pessoas. Isso porque um jovem que estava dançando na praça em frente a sua casa, foi vítima de um vídeo preconceituoso publicado por um desconhecido na Internet.

O jovem de 26 anos chama-se Gabriel Corrêa Rodrigues, ele é portador do transtorno do espectro autista (TEA) de grau 2 e foi filmado enquanto dançava em uma praça na zona leste de São Paulo. Gabriel gostava de ouvir suas músicas em um radinho em frente a sua casa e dançar, isso fazia com que ele se sentisse bem. O homem que gravou o vídeo chama-se Raphael França de Souza, no vídeo podemos ver o autor desse preconceito com o filho que aparenta ter 5 anos. Enquanto filma Gabriel o homem faz declarações polêmicas o chama de ridículo e como se isso não fosse suficiente ainda acusa o jovem de ter”algum problema mental” que pudesse levá-lo a cometer abuso sexual.

Um verdadeiro absurdo! O autor do vídeo ainda orienta o filho que quando ele vê esse tipo de gente tem que se afastar, em casa vamos dar risada disso fala com o menino.

“Tô filmando esse cara ridículo dançando. Meu Deus que coisa bizarra. Vou colocar na internet isso aí, o cara é um sem noção.”, declara.

Ao perceber que Gabriel é autista, Raphael chama o filho, ao qual se refere de “Pê” e declara:

“Ele deve ter algum problema mental, Pê, e ele tá assim. Mano, que maluco sem noção. Olha Pê. Depois a gente dá risada em casa, tá?”

Gabriel achou o vídeo na Internet e diz que ficou bastante chateado, no inicio não viu maldade mas depois prestou atenção nas palavras do homem e se entristeceu com aquilo. O jovem contou que não quer mais ouvir musica e nem dançar.

“depois do vídeo que fizeram de mim, eu vou parar de dançar.” declarou.

A mãe de Gabriel disse que quando viu o vídeo ficou com muita raiva, ela informou que o jovem se sente inseguro achando que qualquer um voltará a fazer isso de novo. O autor do vídeo vai responder civil e criminalmente por injuria e difamação e propagação do preconceito.

Veja Também:  Vídeo mostra homem "assaltando" passageiros com um rato, situação viraliza

Realmente revoltante, preconceito é crime! Isso machuca as pessoas. Gabriel volte a dançar! #Dança Gabriel

Assista o vídeo na íntegra.